Zine Pasárgada
foi um Fanzine cultural e educacional que se propôs divulgar os mais diversos tipos de expressões artísticas e os mais variados assuntos.

O jornal Pasárgada teve 3 edições impressas e distribuídas na cidade de Piracicaba/SP e está guardado, junto com outras idéias, no limbo da falta de tempo e dinheiro.

O blog retomou a proposta do Zine e abriu espaço para diversidade de idéias e de expressões.

Hoje o blog acompanha o jornal e as atividades estão encerradas.

Foi uma grande satisfação ser um dos amigos do Rei.

Fábio

domingo, 5 de junho de 2011

Cápsula do Tempo

To devendo esse post há pelo menos uma semana. =x
Ai minha gente, mas é muita coisa na vida das pessoas, e desse blog né? Disputadíssimo! Tem dia com 5 posts. (UAU!)

Mas vamos lá...
É assim, eu sigo um blog muito especial o 365Nuncas (não sei se vocês já viram, mas dêem uma conferida depois.) que deu essa dica semana passada, eu acho.



A Cápsula do Tempo. É, a gente escreve pra gente mesmo daqui a 10 anos! (Massa né?)
Eu ainda não parei pra escrever pra mim, confesso. Por que eu quero me achar agradável, bonita, inteligente quando eu olhar pra 10 anos atrás, e quero poder chegar perto da pessoa quer serei daqui a 10 anos, hoje. Entende? =P

Conheço gente que já fez algo parecido, só não era on-line, era o lance de escrever uma carta e enterrar, esconder, trancar... e só abrir depois de alguns anos. Eu num sei se isso daria certo comigo, prefiro escrever pra esse, que me manda um email depois. ;)

Daí a dinâmica do site é bem simples, você registra o seu email (que terá que ser o mesmo daqui a 10 anos!!), e escreve. Eles vão guardar bem guardadinho, e você receberá um email, de você mesmo, na data que ele informa assim que você se cadastra no site. Nem é muita coisa que você tem que escrever, eu que sou meio lesa e ainda não fiz o meu.

Bom espero que vocês curtam esse diálogo (com você mesmo). :]

Um Beijão e boa semana (ou década!) pra nós!
Mais de mim no Miudezas.

2 comentários:

Patrícia Olandini disse...

Gostei da idéia!
Na verdade já fiz isso com alguns diários meus.
Sempre gosto de reler as coisas que escrevi na adolescência, mas ler algo daqui há 10 anos sobre o que escrevo hoje, talvez seja mais interessante ainda! ;)

Talita disse...

Adorei também!

E da mesma forma que a Patrícia Olandini, também tenho momentos nostálgicos de reler diários (cada coisa que agente escreve, e a maneira que agente escreve...rs).

Criei uma cápsula, se em 2012 acontecer o que escrevi, começarei a ler mãos.. haha